Um pouco de nossa história

 Um pouco de nossa história

 

Por Esther Lucio Bittencourt


        A Academia Caxambuense de Letras foi fundada em 1º de julho de 2001, ano do centenário da criação do Município.

        Dois anos após sua instituição, promoveu, em conjunto com a Sociedade Brasileira de Dentistas Escritores, o 1º Encontro Mineiro de Arte e Poesia, como parte integrante do 36º Congresso Sul Mineiro de Odontologia.

        Com 11 anos de existência, tem participado ativamente da vida cultural da cidade e da região, fazendo acontecer concursos literários, sessões dedicadas à literatura e à música, cursos e palestras nas escolas.

        Foi declarada de Utilidade Pública Municipal pela Lei nº 1.812, de 28 de novembro de 2007.

        Para comemorar os 10 anos de fundação, a entidade realizou sessão solene, na qual foram admitidos três novos acadêmicos. O evento contou com a participação especial da Academia Teresopolitana de Letras, ocasião em que os integrantes daquela instituição apresentaram números literários e musicais, abrilhantando a solenidade.

        A Academia Caxambuense de Letras é uma sociedade civil, sem fins lucrativos, e tem, como finalidades, além do cultivo da língua portuguesa e da literatura brasileira, o incentivo à produção literária, artística e científica na comunidade caxambuense.

        Entre seus objetivos estão também o estabelecimento de parcerias com instituições educacionais da rede pública e privada, em benefício do cultivo da língua portuguesa, da literatura brasileira e das ciências, bem como o incentivo à recuperação e preservação da memória histórica do Município.

        A entidade tem 25 cadeiras, cada uma com seu respectivo patrono, e que são preenchidas por acadêmicos titulares.

        A escolha de um novo titular é precedida da verificação da existência de cadeira vaga. Divulga-se, então, um edital para a inscrição de candidatos, apresentando, cada um, seu currículo. Uma comissão de acadêmicos titulares dará o parecer sobre as inscrições. Por voto secreto da totalidade dos titulares, é escolhido, então, o candidato que ocupará a vaga.

        Em 2012 foi elaborado e votado o novo Estatuto.

        A Academia Caxambuense de Letras em parceria com a Associação Minas das Geraes [que tinha como duas das responsáveis as também       Acadêmicas Ana Laura Diniz e Esther Lucio Bittencourt], receberam no Espaço Kaleidoscópio, em Caxambu-MG, os autores Fal Azevedo e Aníbal Bragança. As palestras dos convidados, precedidas de apresentação de música erudita, contaram com viva participação dos presentes que lotaram a sala. Seguiu-se noite de autógrafos.

        Ainda em conjunto com a Associação Minas das Geraes, a Academia deu seu apoio às gestões da Escola de Samba Império Serrano, que teve Caxambu como tema em 2013. As pesquisas da Acadêmica Esther Lucio Bittencourt e a sinopse por ela elaborada foram um valioso subsídio para a letra do samba enredo.

        A iniciativa da Império Serrano foi um poderoso instrumento de divulgação do nome de nossa cidade e de nossas águas minerais, em âmbito nacional e internacional.

 

Academia Caxambuense de Letras

Histórico do COSMO.

    O Congresso Sul Mineiro de Odontologia reúne seus frequentadores desde 1967, com a abordagem de temas de Odontologia e Artes. Realizado na bucólica cidade de Caxambu, Sul de Minas, no início da Primavera, sempre reuniu os mais expressivos nomes da Odontologia Brasileira em um...

Lançamento do Livro "Extremo Estreito" se consagra pelas lágrimas e aplausos dos amigos.

    Como não falar de emoções?     Como não sentir a paixão de um poeta em seus versos?     Como não amar uma noite memorável?       Itanhandu nas Minas Gerais, abre os braços para a Literatura de seus filhos, em uma noite repleta de...

Lançamento do livro Memórias da Fazenda da Roseta e do Barão de Maciel – Dia memorável.

    Neste sábado, dia 14 de setembro de 2019, aconteceu na Fazenda Roseta em Baependi MG, o Lançamento do livro, “Memórias da Fazenda da Roseta e do Barão de Maciel”, dos autores Antônio Clarét Maciel Santos e, Paulo Maciel Junior.     O livro revela uma volta as...

A Casa das Cartas – Índia

Não existe distâncias, nem a inobservância linguística, quando a cultura transpõe continentes. “A Casa das Cartas – Índia” Índia, 106, Santoshi Vihar, Laxmisagar Bhubaneswar Contato com a nossa ACL.   A House of Public Relations in quest of sweetness and light in art, culture, education...

Memórias da Fazenda da Roseta e do Barão de Maciel

    A lua Cheia já confirmou presença em 14 de setembro de 2019. Agora só falta você confirmar o convite que ora lhe faz a Fazenda da Roseta para o lançamento do livro “ Memórias da Fazenda da Roseta e do Barão de Maciel” de autoria de Antonio Clarét Maciel Santos e Paulo Maciel...
1 | 2 | 3 | 4 >>