THE OGRE AND THE WEAVER By Guerreira Xue

THE OGRE AND THE WEAVER By Guerreira Xue

…ABOUT THE BOOK

… As far as I know, these stories and tales are true journeys into the imaginary of our heads, and they cross the lines between curves and straight lines, between right and wrong, and ultimately everything is a life lesson, and each person interprets it their own way.

The book deals with current affairs, in a differentiated style aimed at a young public. And starting from old concepts, the tales are developed in ways that stimulate thinking, in the figure of a 10-year-old boy who doesn’t get tired of questioning.

The narrative’s proposal is also to recover the parent-child relationship in the family environment, in the figure of the boy who finds a way to have her mother at his side at bedtime.
There are different narratives in the book, which have in common the centrality of life in different environments and contexts.

https://www.amazon.com.br/dp/B01J6J23AU

 

Artigos Literários por Hilda dos Santos Milk.

O SEGREDO DA ILHA VERDE

  Boa noite gente amiga.  Estive fora por algum tempo desse site e peço desculpas pela ausência, é muito trabalho e nem sempre dá tempo para tudo que gostamos. Estou muito feliz com a visibilidade do site e pelo apreço com que o meu querido amigo e escritor Leandro Alves dedica a...

O ROUBO QUE TROUXE FAMA

Boa tarde amigos leitores!   Vocês sabiam que antes de 1911 o quadro de Mona Lisa  era praticamente anônimo?  O quadro, obra do Leonardo da Vinci, foi roubado. Muitas pessoas foram presas por suspeitas para averiguações, inclusive o pintor espanhol, não tão famoso na época,...

SENSO COMUM

Na rotina diária o homem respira, trabalha, come e dorme. Suas diversões são; futebol das quartas e a bebedeira das sextas, acompanhado de outros bêbados que chamam de hora feliz. Certo ou errado, cada um é que sabe de si. Algumas mulheres acompanham o ritmo, dando colorido ao...

O Ladrão do Tempo

Na era da escuridão ele já existia, e quando se fez a luz, ele ausentou-se, pois foi de ferias para África. Ao retornar ao país de origem ele estava entrado em anos, e os amigos de infância tinham morrido. E ele chorou. Nesse momento que ele percebeu que o tempo não ligava para a sua morte. Depois...

Tia Irene

Quando era menina morava na Vila Harmonia, e logo depois do rio vivia uma mulher sozinha, a quem todos chamavam de tia Irene, e se era minha, eu não sei. Há que se diga que esse nome é de bruxa mesmo. Segundo as línguas do lugar ela tirava mau-olhado, tristeza, devolvia a alegria e fazia homem...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!