Porquê ser um Escritor?

Porquê ser um Escritor?

 

 
 

         

                Algumas vezes a gente entra por caminhos que não conhecemos, simplesmente vivemos os momentos.

                Eu nunca havia perguntado ao meu eu interior, o porquê de ser um Escritor?   Mesmo tendo que driblar as normas que regem a nossa língua, e uma dislexia que o destino deixou a minha porta, a vida me presenteou com este dom.  Que como o sonhar inocente de uma criança, redigimos nossas utopias e histórias, para serem compartilhadas com o mundo, mesmo que meu mundo seja do tamanho do mundo de uma criança, " infinito talvez, ou quem sabe? É apenas do tamanho de nossa casa. "

                 Mas enfim, são nossos sonhos, poemas, romances.

                Porém ao entrar no mundo literário, fui novamente presenteado com a amizade de vários, Escritores, Poetas e boêmios.  Também de pessoas especiais ou comuns, mas amigos, que mesmo a distância nós mantemos contados e trocamos sonhos e ideais.

               Hoje em especial, deparei com o trabalho de uma amiga, que muito me chamou a atenção, exatamente por dar-me a resposta daquilo que ainda não havia pergunta, porque ser um Escritor? 

               Então quero apresentar a Escritora Patrícia Dantas e, seu belo trabalho que me trouxe a resposta. 

 

                  

 
 
 

sexta-feira, 14 de março de 2014

 

Somos a face dos nossos personagens.
 

 

             Quando decidi ser escritora, uma espécie de amadora confessional, foi por encanto,                                                                          estilo e curiosidade. Tudo o que eu observava partia de mim e das pessoas, ou no sentido contrário,                                                       tanto faz. Se eu soubesse que era fácil escrever no universo ficção já teria escrito. Para mim,                                                                não é! Gosto das minhas histórias e das histórias dos outros, da forma individual e particular                                                                     de cada uma e do modo que cada história ganha vida pelo olhar de uma escritor.

 

              Cavar a terra cada vez mais fundo para plantar uma minúscula semente e esperar                                                                       todo o seu ciclo natural, pacientemente! Assim também se dá com nossos escritos e leituras,                                                                    tudo exige tempo. É como uma fórmula, podemos estar entre o sucesso e a decepção.                                                                             Tudo dependerá do que foi criado e da sua aceitação. É como alguém que                                                                                                    poderá se sentir rejeitado pela maioria, mas aceito por uma minoria que aprecia seu jeito único de ser.

 

                Escrever é algo interior, que permanece inteiro, às vezes sem muito espaço ou                                                                         nada de tréguas dentro da gente; é algo insistente diante de muitos nãos; é algo que explode                                                                       e a qualquer momento dominará o mundo. É isto que queremos. Desejamos compartilhar e                                                                    trocar experiências, ser lidos e degustados, ser os preferidos ou ganhar um segundo lugar.                                                                       Está aí nossa fórmula do sucesso.

 

               E nossos personagens, cadê? É com eles que alcançaremos também nossos voos                                                                      mais altos, tropeços, invenções, crises, glórias, contentamentos, desilusões, esperanças;                                                                           é com eles que podemos seguir em frente ou dar uma pausa; sim, é com eles                                                                                            que nos identificaremos ou criaremos meros desconhecidos; é com eles que                                                                                               aprendemos que a vida é uma turbulência de acontecimentos nem sempre tão ajustados;                                                                             é com eles que descobrimos quem somos; é com eles que seremos um misto de realidade e ilusões.                                                      Estaremos a sós, com eles, em muitos momentos de nossas vidas.

                                                                                        " Patrícia Dantas."
               
 
  Para conhecer melhora a Escritora Patrícia Dantas e seu trabalho, acessem o link abaixo, e boa leitura.
 
 


 

Notícias Diversas.

ACADEMIA GONCALENSE DE LETRAS

É com satisfação que comunico o grande sucesso do CONCURSO DE CONTOS DA AGLAC.   Totalizando até o momento a participação de 16 ESTADOS: Santa Catarina Rio de Janeiro Pará Minas Gerais Paraná São Paulo Pernambuco Rio Grande do Sul Rondônia Bahia Espírito Santo Goiás Amazonas Sergipe Paraíba e...

Encontro de artistas

    É com grande alegria e imenso prazer, que a Escola de Dança Darlene Baptista e o ICAB (Instituto Casa Barbosa), convidam a todos para esse evento cultural com várias atrações de música, dança, teatro, poesia; onde acontecerá o lançamento do Livro " Liberdade em Versos", da nossa...

RESULTADO FINAL 33° FESTIVAL DE MÚSICA DE ITANHANDU

1° lugar - Seja menino ou menina - Junior Almeida e Jatanael Alves 2° lugar - Calango na Cidade - Bilora 3° lugar - Todo Possível - Marcia Cherubin 4° lugar - Raiz de Esperança - Cris Diniz e Pedro Hoisel 5° lugar - Algaço - Ronald Saar e Robertho Ásia Melhor letra: Meu País - Renan Ribeiro e...

1° Concurso de Contos da AGLAC

Participe do 1° Concurso de Contos da AGLAC tema livre . inscrição gratuita . âmbito nacional Inscrições abertas do dia 01 de julho de 2019 até as 23:59 horas do dia 31 de julho de 2019 A AGLAC (Academia Gonçalense de Letras, Artes e Ciências) orgulhosamente convoca todos os escritores,...

O 50º Concurso Nacional de Contos e Poesias Abdala Mameri

Regulamento – 2019   1º - Objetivo O 50º Concurso Nacional de Contos e Poesias Abdala Mameri é organizado e coordenado pela Academia de Letras e Artes de Araguari, com o fim de estimular a criação literária e poética. Em Araguari comemora-se a 7 de março o “Dia da Letras e Artes Professor...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>