Minha Prece ao Senhor, por Leandro Campos Alves.

Minha Prece ao Senhor, por Leandro Campos Alves.

 

 

    Algumas vezes na vida, olhamos para o que temos a ganhar no futuro, e o que ganhamos no passado, porém esquecemos-nos de olhar para cima ou para dentro de nossos sentimentos, e ver quem realmente é nosso promissor, para podermos agradecer as nossas vitórias. Então eu não podia deixar de referencia as graças conceptas a mim, por esta força maior, que nos protege, reprime, e nos ama. 
Ao nosso Deus eu agradeço na forma do dom por mim concepto.

Minha Prece ao Senhor.

Nos dias de aflição,
sinto o frio de minha alma,
dentro do meu coração.

Corro para minha humilde canção,
em busca da face do senhor,
para acalentar meu viver,
e deixar mais alegre o meu ser.

Oh! Senhor meu pai,
acolhe-me em sua sombra,
traz-me o puro amor,
retirando de meu peito esta dor.

Tenho sede do saber,
de seus conselhos para minha alma absorver.
Junto ao desejo,
de em Cristo crer.

Lembro-me de seus ensinamentos,
que a todo instante,
consola os meus lamentos.

Pois oh! Pai eterno...
Cristo cuide dos filhos seus,
e não deixa-nos a mercê dos filisteus.

Busco então sua face Senhor,
clamando o perdão,
na essência de meu puro coração.

Escute o meu clamor,
que sobe aos céus,
em seu louvor.

Pois Pai justo e eterno,
dê-me seu afago,
para tirar este gosto amargo,
daqueles pecados,
que ainda não foram julgados,
por ti oh! Senhor.

Pai eu te peço não só em meu nome,
mas em nome de todos os homens,
que esqueceram de ti em suas preces.

Também peço por aqueles incrédulos,
que não te agradecem a vida,
que a nós foi concedida,
pelo seu poder,
que nos fez viver.

Ainda lhe digo,
para estarmos contigo,
e termos seu ombro amigo,
não só em hora de paz e amor,
mas também no conflito e na dor.
Pai em preces eu peço,
e também agradeço,
o conforto cedido por ti o Senhor.

Agradeço não só em meu nome,
mas em nome do mundo inteiro,
e digo oh! Meu companheiro,
sou grato pelo seu imenso amor.
Fazendo de minha alma sua moradia,
deixando-me em sua companhia.

Como em toda oração,
despeço com a grande emoção,
por levar a ti este louvor,
a casa de meu Senhor,
o meu bom pastor.


 

AutorLeandro Campos Alves.
www.facebook.com/escritorleandroalves

 

 

 

 
Número de páginas: 103 

Edição: 1(2015) 

Formato: A5 148x210 

Coloração: Preto e branco 

Acabamento: Brochura c/ orelha 

Tipo de papel: Offset 90g
 

 

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Também na Antologia: 
 
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)
(Câmara Brasileira do Livro, SP, Brasil)
Diversos, Autores
Nasce um poeta- “Coletânea de poemas e contos”/
Autores diversos. São Paulo-SP
Organização: Zulmar Pessoa de Lima Tamburu
Editora Vale dos Livros, 2014.
ISBN 978-85-64706-46-0
1. Ficção e contos brasileiros
2. Poesia brasileira
I. Título. Nasce um Poeta.


 

Obrigado aos meus amigos leitores pela visita, e fiquem com Deus.

Meus Poemas.

Grande final da Liga Mantiqueira de Motocross, em Liberdade MG.

        O ronco dos nossos motores, chora em silêncio a sua partida. Valeu Companheiro.                           Gabriel Ribeiro #13 Autor da Frase: Leandro Campos Alves.   Homenagem...

A morte!

A morte expressa o medo. Mas que medo? Medo do que? Nascemos e somos levados ao batismo, cremos em Cristo, na ressurreição e na vida eterna. Então não seria a morte a consagração do que na vida esperamos?   Aos que vão, o silêncio! Aos que ficam, o choro! Aos incrédulos, a desilusão!   A...

Silêncio

O pensamento voa, na calada da noite. E no silêncio do dia! Meu peito agoniza.   Os momentos da vida, ficam restrito nas lembranças. O tempo com a vida passa, e envelhecemos com ele.   Com o amadurecimento... Sinto a frieza da alma, na quietude do seu silêncio.   Sombrio...

Soneto de la vida

Nuestros cuerpos entrelazados, sin remordimiento y pecado, me lleva al éxtasis del placer, al poseer usted.   Gritamos y amamos, El placer rompe el silencio de la noche, como la propia noche, que se pierde al amanecer.   Las memorias permanecen, sin miedo y consecuencias, sin hijos o...

Acróstico Maestro Caaraüra

M - Maestro Caaraüra A - a expressão da Literatura, E - epicentro da nossa cultura. S - Símbolo da clave, T - tocada com emoção, R - revela sua expressão, O - orquestrando sua posição.   C - Cativante e multi-instrumentista, A - atuante na cultura. A - Atinado com suas conquistas, R -...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>