Medo Obscuro por Janaína Arruda.

Medo Obscuro por Janaína Arruda.

Depois de Nietzsche

 

        Quanto mais tempo dedico à leitura, mais confuso se torna o tempo. Vejo quão frágeis são os meus valores, e que eles não me valeram de nada.

        As certezas que pareciam irrefutáveis são os ídolos com os pés de barro que um a um são martelados e despedaçados a cada nova sinapse que construo.

 

        A angústia é sufocante e torna a mera ação de respirar dificultosa, não sei mais se é possível voltar. A ignorância é ópio. Perto da loucura é que a sanidade me permite entrever um ponto certo. A lucidez causa dor e estranhamento até para com os meus. Que atitude tomar diante de nossa pequenez pensante e hipócrita? Dói o peito e passo a compreender o motivo de tantos terem fugido, não da vida, mas de si mesmos. Como suportar tantas revelações? Diante do véu que se finda, encontro ou reencontro a essência de mim mesma, como objeto perdido que se recupera. 

 

 

Postado por Janaina Arruda 

 

 

ENTREVISTA COM O VAMPIRO - ANNE RICE

 

        Não compare a leitura desse livro ao filme com Brad Pitt e Tom Cruise. Por mais que você tenha gostado do filme, ele não chega aos pés da leitura do texto de Anne Rice. Nem que quisessem o longa-metragem seria um terço do que a história conta.

        Comecemos com as disparidades: Brad Pitt não perde a esposa e o filho, não! A história é mais elaborada, seu sofrimento mortal é proveniente da morte do próprio irmão. Louis (e não Bad Pitt) é testemunha essa morte e se sente responsável pelo ocorrido, mas isso devido a inúmeras situações apresentadas anteriormente. Louis é um sofredor, o mais terrível sofredor que se possa imaginar, pois sua consciência questionadora o aprisiona em um castelo de dúvidas; incertezas essas que o acompanharão por toda a obra.

        O texto é muito bem escrito e Anne Rice consegue transmitir toda a essência vampiresca em sua narrativa. Garotinhas acostumadas com vampiros fluorescentes se sentirão frustradas, aqui não há espaço para romances juvenis. Aqui o que temos é um vampiro de verdade.

        Muitas passagens do livro são reflexivas, não para os personagens apenas, mas para o leitor, pois a autora desmascara o sofrimento humano em pensamentos imortais, e notamos que as incertezas humanas não são tolices, são incertezas reais e que quando são vistas da perspectiva da imortalidade, parece que se tornam ainda maiores. “As pessoas param de crer em Deus ou na bondade, mas continuam a acreditar no diabo. Não sei por quê. Não, realmente não sei por quê. O mal é sempre possível. E a bondade é eternamente difícil”. Disse Louis ao jovem repórter durante a entrevista.

        Louis é um personagem muito complexo. Pense em alguém que sofre muito e a maior parte do tempo está consciente desse sofrimento, eis o nosso personagem. Louis simplesmente se importa com a vida. Ela não a enxerga com a frieza vampiresca comum, ele a valoriza e padece de sua condição que o obriga a ceifar a existência humana para alimentar sua existência imortal.

        Mas falemos um pouco de Lestat, a outra face da imortalidade. Lestat transformou Louis, com a ilusão de que esse fosse o vampiro certo para estar ao seu lado. Ele propôs a Louis uma escolha quando o transformou, que escolhesse morrer ou a imortalidade. Louis seguiu Lestat nas sombras imortais. E dessa escolha nasce uma relação de amor e ódio nos dois sentidos.         Louis esperava que Lestat fosse o seu professor, que o ensinasse os segredos dessa vida incomum. Mas Lestat era zombeteiro e queria apenas que Louis fosse como ele, sem preocupar-se com nada mais além de viver uma vida confortável e sanguinária ao seu lado.

        Com o desenvolver da narrativa, Louis percebe os verdadeiros interesses de Lestat, que estavam voltados à sua fortuna e à possível segurança que poderia desfrutar ao lado do novo vampiro. Lestat tem um pai, Louis tem a mãe e a irmã. Veja que no livro eles não são vampiros sozinhos no mundo, existe um contexto por trás de tudo, o que torna a história ainda mais intrigante, principalmente sobre Lestat. Em algumas situações o pai do vampiro conta a Louis sobre o filho, o que causa muita curiosidade, mas Lestat se recusa a falar de seu passado ou sobre quem o transformou, deixando Louis ainda mais confuso.             Sem saber quem é Lestat de verdade, Louis faz as próprias conjecturações, buscando decifrar o vampiro que está ao seu lado.         Como em um jogo, os diálogos entre essas personagens deixam sempre algo nas entrelinhas, o leitor fica intrigado e desejando mais detalhes da trama. Mas.............não se esqueça que esse é apenas o primeiro livro das crônicas vampirescas de Anne Rice, portanto, muitas coisas ficarão, ainda, encobertas pelas trevas, vindo à luz somente em obras posteriores.

        Uma reflexão interessante de Louis é: “E eu a via doce e palpável à minha frente, uma criatura frágil e preciosa que logo envelheceria, logo morreria, logo perderia aqueles momentos que, em sua intangibilidade, nos prometem, erradamente... erradamente, uma imortalidade. Como se fosse o nosso próprio direito de nascer, do qual não conseguimos captar o sentido até chegarmos à meia-idade, quando temos pela frente o mesmo número de anos pelo qual já passamos e que já ficaram para trás. Quando cada momento deveria ser o primeiro vivido e assim apreciado.” Sabiamente, o imortal define a maturidade humana com relação à própria existência. Nossa maneira torta de enxergarmos a juventude como época de imortalidade, como se fossemos eternos e que nada mais importasse, a não ser viver intensamente esses breves momentos áureos, acreditando que tudo estará sempre a nossa disposição. A maturidade só chega com a experiência e com ela percebemos que a fugacidade da vida é real e que apreciar a vida é mais do que viver de aventuras e inconsequências.

        Mas, destaco aqui, a partir dessas palavras destinadas à visão de Louis de uma jovem, a personagem Cláudia. A doce vampirinha que vem colorir as páginas do livro com sua intempestiva personalidade. A princípio seria ela alimento para Louis em um momento de fraqueza, mas, que por maldade (ou medo de que Louis o abandonasse) Lestat a transforma, fazendo com que Louis e toda a sua compaixão adotem a pequena como membro dessa intrigante família.

        Inicialmente, Louis ensina a Cláudia tudo o que sabe, mas com o passar dos anos, o que Anne Rice nos apresenta é uma mulher presa em um corpo infante. Sua linguagem e seus modos não são de criança; sua ousadia e seus desejos deixam de ser jogos infantis. Cláudia tem o desejo por sangue de Lestat e o coração descompassado de Louis. Mais uma vez aqui temos um distanciamento da obra cinematográfica e do livro publicado. A Cláudia impressa nas folhas do papel é mais ardilosa e sensual, suas falas nos fazem pensar que não se trata de uma criança frágil, mas de uma amante sanguinária e manipuladora.

        A tensão no livro é constante, mas fica mais evidente quando Louis conhece Armand, o vampiro europeu, e por ele se apaixona. Armand surge como o exemplo de vampiro esperado por Louis há muito tempo, sua postura e a forma como enxerga o mundo vão ao encontro daquilo que Louis procurava em um mestre. No filme isso não fica tão evidente, mas no livro é possível perceber que esse encontro é o encontro de duas almas irmãs, como se Armand e Louis fossem destinados um ao outro. Não pense em encontros românticos!!!!!! Não é isso! Mesmo que exista um tom romântico nessas palavras, o encontro desses imortais é mais do que romance, é algo transcendental. Os mais preconceituosos enxergarão o que Anne Rice não colocou no papel, para esses deixo minhas lamentações e recomendo a leitura de “Crepúsculo”, pois essa sim é uma leitura para o seu nível de interpretação!

        Sem mais spoiler, essa obra deixa marcas. Para todos os amantes das trevas, Anne Rice deixa um legado com a primeira obra da série. É inevitável a sensação de vazio quando terminamos a leitura desse texto, ao mesmo tempo em que queremos chegar ao final, dói o coração quando as páginas se encerram. Mas, ainda bem que a autora não nos deixou na mão e escreveu mais de uma dezena de livros dessa sequência.

 

        Sem mais, tira a bunda da cadeira e corra já comprar seu livro! Afinal, como diria Louis: Só nós (humanidade) compreendemos o passar do tempo e o valor de cada minuto da vida humana. Faça a sua leitura valer a pena!

 

   Convidamos aos Leitores a conhecerem o belo trabalho literário do Blog Medo Obscuro, e viajar pelos artigos de Janaina Arruda, através do Link: medobscuro.blogspot.com.br/

 

Fonte: Blog Medo Obscuro

 

 

 

Todos os direitos são reservados a Blogueira Janaina Arruda e ao seu Blog “Medo Obscuro”, conforme artigo (lei 9.610/98).

 

Só os melhores “Sites e Blogs Literários”.

Sac Paixao e Poesias

DE PORTAS SEMPRE ABERTAS... Você que chega agora, aqui no sac paixão Não estranha estas portas sempre abertas, É um convite para você entrar... Não há porque fechar estas portas, Aqui nada é para ficar sob sete chaves, Antes é para ser conhecido, Sentido, propagado... Aqui é um sitio de poemas...

TALCO NEGRO

A Língua mais nobelé; de pedra Sonnet Pose e posto: Josetxu Errekerre      Ainda vejo a montanha e suas escoras que dão forma ao seu lado, rocha bronzeada por seixo  em torrents selvagens de tibera...

Toques Para Mulheres

Toques Para Mulheres é um blog destinado a ser humoristicamente polêmico ao retratar o universo feminino na visão de um espécime masculino ("Eu!"). Semanalmente esse pobre homem, o escritor Edson Rossatto ("Eu de novo!"), postará uma crônica sobre o cotidiano feminino e suas...

Rosas, Versos e Espinhos

        É um enorme prazer ao depararmos com talentos e trabalhos que enchem nossos olhos e aquece nosso coração, o que dizer do blog “Rosas, Versos e Espinhos” do poeta Elzivaldo Oliveira,         Simplesmente só conhecendo seu trabalho...

Rádio Debates Culturais

        Este site tem uma interação cultural e um respeito a nossa liberdade de expressão interessante, são entrevistas de diversas áreas da cultura, e o que me chamou a atenção, foi ao ver que em sua página de opiniões, reclamações e críticas, os administradores não...

Conexão com a Vida.

        O mundo literário é incrível, encontramos poetas que se esforçam para serem poetas, encontramos escritores que lutam para ter seu espaço reconhecido, e muitas vezes, encontramos verdadeiras dádivas que se escondem na simplicidade de sua humildade.  ...

Genealogia e História

UMA NOITE DE ALEGRIA - REABERTURA DO IHGRN             Foi indiscutivelmente uma noite de alegria - O Instituto Histórico e Geográfico reabre as suas portas para os seus associados e para o público.      ...

A Magia da Expressão Literária

        "A Magia da Expressão Literária” está na beleza da arte da comunicação humana através da linguagem materializada segundo a combinação dos sons e tons dos fonemas, palavras ou expressões escritos ou emitidos para se referir à realidade ou à ficção inerentes aos...

Poesias em Sonetos.

        Encanto e versos, sentimentos transcritos em estrofes, simplesmente o Talento nato dos grandes literários, convido a todos a conhecerem um pouco do trabalho do Poeta “Paulo Braga Silveira Junior” através de seus poemas “Pensamento em Você”, “Também Culpados”,...

Adoração em Santidade.

        Existem muitos blogs literários que nos levam a sonhar com príncipes e princesas, transportam os nossos sentimentos para um mundo paralelo, o mundo cheio de vitórias, lugar onde heróis são seres vivos, os vilões não tem vez.      ...
1 | 2 | 3 >>

Lançamento de Livros.

Bárbara: Existiam duas paixões em sua vida.

Kindle por Cari Ramalho (Autor)     Veterinária e filha de um zoólogo e ambientalista, amar os animais e a natureza estava registrado no meu DNA. Propostas de trabalho não me fizeram abandonar o meu pai e o Santuário, que era a nossa casa, ali faria a diferença,...

POEMAS AMOR INFINDÁVEL

        Um livro de poemas de amor e fala de vida, com a singeleza dá inspiração. Escrevendo assim: poemas românticos e poemas de luz. O livro: POEMAS AMOR INFINDÁVEL. ESCRITAS VÁRIAS PARA OS SEUS MOMENTOS DE LEITURA.       Quem desejar o livro é só...

Árvore do saber

Árvore do saber Poesias e Pensamentos   por José Daniel Lopes      Sinopse     Todos os textos aqui escritos, foram de pura e majestade conversa entre subconsciente e o consciente do autor, junto a Deus, seu maior guia. Com intuído de estabelecer uma...

Dislexia e Dislexia Adquirida

Dislexia e Dislexia Adquirida: Como detectar, diferenciar, entender e tratar eBook Kindle por Anna Lou Olivier (Autor)           Esta é uma introdução ao tema. Um resumo de quarenta anos de pesquisas e publicações de Lou de Olivier. Escrito em...

Iniciação ao Propósito

Sinopse     Existe uma fórmula para viver feliz todo o tempo? A vida pode ser uma aventura constante, cheia de mistérios, alegrias, surpresas e êxtases?       Podemos viver para sempre? É possível trabalhar e viver daquilo que se ama?   O...

Encontros de neve e sol

ISBN: 9788584742134   de Ilana Eleá        Encontros de neve e sol é a saga de uma mulher-coragem. Em busca do amor, da felicidade e do esquecimento de amarguras vividas, a personagem deste romance embarca numa aventura em um país desconhecido e muito...

Pedrinho e Seu amigo Joãozinho

    Pedrinho é um menino de apenas nove anos de idade, que surpreendia a todos com sua educação e preocupação com os seus amigos. Um belo dia, ele conheceu o Joãozinho, o qual tinha uma deficiência física. Daí nasceu uma amizade linda entre os dois. Pedrinho mostrou a seu amigo...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Leis e Direitos Autorais.

Herdeiros e direito do autor

Foto: Mega Jurídico - www.megajuridico.com/direito-autoral-tem-prazo-de-validade/   Questão tormentosa nos dias de hoje é a administração das obras literárias, artísticas e científicas pelos herdeiros dos artistas, principalmente em relação ao seu uso por terceiros. Para entender...

Estrutura do Conto

          CONTO – História completa e fechada como um ovo. É uma célula dramática, um só conflito, uma só ação. A narrativa passiva de ampliar-se não é conto. Poucas são as personagens em decorrência das unidades de ação, tempo e lugar. Ainda em...

Ministério da Cultura Lei Rouanet

  1. O que é a Lei Rouanet? A Lei Rouanet (Lei 8.313/1991), promulgada durante a gestão do ministro Sérgio Paulo Rouanet, instituiu o Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC), cuja finalidade é a captação e canalização de recursos para os diversos setores culturais. 2. O que é o PRONAC? O...

O que é ficha Catalográfica?

DESCRIÇÃO: edocbrasil         De acordo com o artigo 6º da Lei 10.753 de 2003, todos os livros publicados no Brasil devem conter a Ficha Catalográfica, ou, CIP (Cataloguing in Publication) – no Brasil Catalogação na Publicação – e deve estar de acordo com o padrão...

Como construir a Capa para seu Livro.

        Quando construímos um trabalho literário, temos várias etapas que precisamos pensar.          Como todo livro, a primeira impressão é o convite aos leitores a visitarem nosso trabalho, e por isso uma boa capa é fundamental...

Como diagramar seu livro no Word.

        Geralmente eu usava apenas o formado “Times New Roman” no espaçamento simples letra número 12, usava margens superiores e inferiores 1,91 centímetro, e para as margens direita e esquerda a mesma medida. Porém, com a evolução dos trabalhos e muito estudo,...

Quanto custa publicar um livro?

Se você vai publicar seu livro por uma editora comercial, o custo a ser levado em conta é o de tempo para a divulgação de sua obra. Se você acha que o ponto final é o fim do seu trabalho, engana-se. Para dar certo, mesmo sendo publicada por uma editora competente, sua obra precisa que você a...

Imagem, Fotografia e Direitos Autorais

Foto Ilustrativa  https://gibanet.com/sobre/direitos-autorais           Imagem, no cotidiano da editoração, costuma ter duplo significado: o de efígie, vinculado aos direitos da personalidade, e o de reprodução fixada de...

O que é Lauda.

INFORMAÇÕES PARA TRADUTORES INICIANTES           O que é uma "lauda"?         Como calcular uma lauda?         Tipos de Lauda.            Cobrança...

Violação dos direitos Autorais.

Aspectos atuais do Direito Autoral a violação dos direitos de Propriedade Intelectual – Responsabilidade dos provedores de internet   Luis Felipe Salomão         Nessa linha, os juízes desempenham mister da mais alta relevância, na medida em que...
1 | 2 >>