Marcio Campos, autor de livro sobre o Caso Eloá.

Marcio Campos, autor de livro sobre o Caso Eloá.

"Foi uma tremenda derrapada da imprensa", diz Marcio Campos, autor de livro sobre o Caso Eloá

 

Por Thaís Naldoni/Redação Portal IMPRENSA
 
 
 

Há quase dois meses - em 13/11 - começava um sequestro na cidade de Santo André, região metropolitana de São Paulo (SP), que dias depois terminaria com a morte da jovem Eloá Pimentel, de 15 anos, assassinada pelo ex-namorado, Lindemberg Alves, 22.

O caso, que seria mais um dos milhares crimes passionais que acontecem por ano no Brasil, tornou-se uma tragédia nacional e um case a ser estudado se levada em conta a desastrada participação da mídia, que insistiu em interferir na ação policial entrevistando, por vezes consecutivas, o seqüestrador.

Ainda sob o calor da polêmica, em meio a discussões acaloradas de Comissões da Câmara dos Deputados, e de um pedido da indenização do Ministério Público à Rede TV! (a primeira a entrevistar Lindemberg ao vivo), o jornalista Marcio Campos, da Band - que cobriu o caso pela emissora - assina o primeiro livro a ser publicado sobre o tema, através da Editora Landscape: "A tragédia de Eloá - Uma sucessão de erros", lançado nesta esta quarta-feira (10), na Livraria Saraiva, localizada no Shopping Morumbi, em São Paulo (SP).

De acordo com o jornalista, o livro - escrito em oito dias - não se propõe a analisar profundamente o caso, mas a levar informação a todos os que acompanharam o decorrer dos acontecimentos, para que haja a possibilidade de uma reflexão mais profunda da sociedade sobre o tema. Acompanhe a entrevista.


IMPRENSA - O seqüestro da Eloá Pimentel acabou há menos de dois meses. A história está viva ainda na cabeça da população. Não há o risco de que o projeto, e seus participantes - você e a editora - sejam considerados oportunistas?
Marcio Campos
 - Fui convidado pela Editora Landscape para escrever esse livro. Ninguém é ingênuo de achar que as empresas são somente idealistas. É claro todas têm programas idealistas, mas elas têm que pagar suas contas. Falando por mim, me sinto honrado em ter sido convidado para escrever esse livro. Há muitos jornalistas que têm livros na gaveta há anos e não conseguem publicar, não tem editora. No meu caso, fui convidado a escrever.

Se algum crítico, alguém me achar oportunista, vou classificar como hipocrisia, por que imagino que muita gente gostaria de ter recebido o convite que recebi. Acho que vai ter muito oportunista aproveitando o lançamento do livro para se promover em cima de críticas.

O fato é que, no Brasil, não existe a cultura dos livros publicados no calor dos acontecimentos. Nos Estados Unidos, por exemplo, isso é normal. Veja só o número de livros publicados sobre o Barack Obama, na época das eleições presidenciais.

IMPRENSA - Em quais circunstâncias aconteceu o convite da Editora? Você pensou em recusar?
Marcio -
  O diretor comercial da Editora entrou em contato comigo. Nós não nos conhecíamos. Ele me disse que havia acompanhado meu trabalho pela TV, que havia me visto passando informações sobre o Caso Eloá e que havia gostado do meu trabalho. Ele conseguiu falar comigo em um dia à tarde e me convidou para jantar naquele dia. Durante o jantar, ele me apresentou a proposta para escrever o livro.

IMPRENSA - Qual foi sua reação ao convite?
Campos -
 Pedi a ele um tempo para pensar no assunto, mas logo ele me disse que não tinha tempo para dar, já que se tratava de um projeto rápido. Então, fui para casa com a proposta na cabeça, conversei com minha esposa, que também é jornalista, e acabei decidindo por fazer. Em casa, sou o lado emocional, ela é o racional. Juntamos tudo, fizemos a média e, no final, a decisão foi essa.

 

Divulgação  
Capa do livro
IMPRENSA - A Editora estabeleceu um prazo determinado para a entrega da obra?
Campos -
 Estabeleceu sim. Depois de ter aceito o convite, tinha cerca de oito dias para entregar todo o texto para que fosse viável à editora o lançamento ainda neste ano. O fato é que eu não podia tirar licença da Band para escrever porque o projeto era sigiloso. Uma das exigências da editora foi que eu trabalhasse no mais absoluto sigilo. Até por questão de espionagem. Outra empresa poderia abraçar a idéia com outro autor. Então não deixei de trabalhar, continuei na minha rotina normal, mas em qualquer horário livre, estava escrevendo, pesquisando. A única coisa que fiz, foi pedir para que minha esposa viajasse com minha filha (ela tem apenas quatro anos), para que eu tivesse as noites livres para trabalhar. Então, tive quatro noites consecutivas para trabalhar em casa.

 

IMPRENSA - Você nem chegou a tentar uma dispensa da Band?
Campos -
 Nem pedi porque teria que explicar o motivo da licença. Ao dizer que estaria escrevendo um livro, teria que dizer qual, aí não conseguiria manter o sigilo pretendido. Então, usava qualquer brecha para escrever, pesquisar, assistir as matérias das demais emissoras e redigir os textos.

IMPRENSA - Como você fez para assistir as matérias e as entradas ao vivo das demais emissoras? Arquivos, YouTube?
Campos -
 Acabei assistindo todas as emissoras usando uma ferramenta da própria Band, que permite acessar a programação das emissoras, até simultaneamente, na data e horário que escolhermos. Aí, assisti tudo o que todos os canais passaram. Essa ferramenta foi fundamental para o meu trabalho.

IMPRENSA - O livro não se propõe a analisar o caso, dado o pouco tempo que se teve para escrever e também pelo fato de o caso ainda não ter acabado...
Campos -
 O livro se propõe a ser uma ferramenta que leve informação, que mostre exatamente tudo o que aconteceu no seqüestro. Trata-se de uma ferramenta para discussão, para análise, já que, na minha opinião, todos deveriam refletir bastante sobre o caso, tanto as famílias, quanto os órgãos de segurança pública e, claro, a imprensa. As redações precisam discutir, as faculdades precisam discutir. Os pais devem refletir a convivência e o diálogo com os filhos adolescentes.

 

Divulgação
Marcio Campos, da Band
IMPRENSA - Você disse que no livro não fez nenhum juízo de valor. Mas, como jornalista, como você avalia o trabalho da imprensa no Caso Eloá, mais precisamente o fato de a mídia ter entrevistado o seqüestrador?
Campos -
 Acho que foi um erro enorme. No caso da entrevista, a primeira, falava-se em furo. Não vejo isso como um furo, mas como uma tremenda derrapada da imprensa. Nesse caso, a mídia ultrapassou os limites. Durante uma crise, ninguém deve interferir, muito menos a imprensa. Nós, na Band, tínhamos os dois telefones, mas não ligamos. O próprio Coronel responsável pelo caso classificou a entrevista como um "desserviço", já que havia um acordo com Lindemberg em que ele se entregaria logo após o almoço do dia 15/11. Depois das entrevistas, ele recuou e manteve Eloá refém.

 

É o reflexo na concorrência desenfreada que se vê na mídia brasileira, que vem gerando prejuízos aos cidadãos.

IMPRENSA - O que, na sua opinião, fez do Caso Eloá, um namoro mal resolvido, se transformar em uma tragédia de alcance nacional?
Campos -
 Acho que a incompetência em administrar uma crise faz com que ela se torne cada vez maior. Isso em qualquer crise. Juntou-se uma série de fatores à incompetência de diversos agentes da gestão da crise, por isso o caso cresceu tanto.


Serviço
A tragédia de Eloá - Uma sucessão de erros
Autor: Marcio Campos
EditoraLandscape
Páginas:112
Preço: R$ 21,90

 

Fonte: Portal Imprensa, Por Thaís Naldoni/Redação Portal IMPRENSA

Link:portalimprensa.com.br/noticias/entrevista+da+semana/22569/foi+uma+tremenda+derrapada+da+imprensa+diz+marcio+campos+autor+de+livro+sobre+o+caso+eloa

 

Entrevistas Literárias.

Fernando Cardoso

Com trinta e quatro obras publicadas o autor Fernando Cardoso se torna referência Internacional para adultos e crianças     Por Shirley M. Cavalcante (SMC)   Escritor e pedagogo, Fernando Cardoso nasceu no norte de Portugal, mais concretamente na cidade do Porto, mas aos quatro...

Escritora Paula Laranjo

Alimentando a alma através de "Reflexos" e "Essência da Alma" com a autora Paula Laranjo Sou natural de Leça da Palmeira.  Licenciei-me em Engenharia Agronómica, pela Universidade do Algarve. Possuo Pós – Graduação em Sistemas HACCP, pelo Instituto Egas Moniz.  Exerço a minha...

Maria Adelina Nunes da Fonseca Velho da Palma

Adelina Velho apresenta sete contos, sete relatos, sete epílogos, um livro   Por Shirley M. Cavalcante (SMC)   Maria Adelina Nunes da Fonseca Velho da Palma nasceu em 1954, em Lisboa, e é do signo de Aquário. É licenciada em Matemática pela Faculdade de Ciências da Universidade de...

Filipa Leandro

Surfista profissional Filipa Leandro destaca a prática do surf em seus enredos   por Shirley M. Cavalcante (SMC) Filipa Leandro, 45 anos, é mãe de três filhos que lhe dão alegria imensa:  Joey, 17 anos, adora andar de skatee pegar umas ondas; Francisca Veselko (Kika), 14 anos, está...

Fabio A. Gabriel

Possíveis caminhos na formação de professores - articulando reflexões, práticas e saberes   Por Shirley M. Cavalcante (SMC)   Nascido em Quatiguá (PR)e residente em Joaquim Távora no mesmo estado, Fabio A. Gabriel é formado em filosofia, teologia e pedagogia; é especialista em ética e...

Luciana Leopoldino

Luciana Leopoldino apresenta 'Um Diálogo com Deus'   Por Shirley M. Cavalcante (SMC) Luciana Terezinha Leopoldino de Oliveira dos Santos nasceu em Nova Cantu (PR), mas atualmente reside em Arapongas, no mesmo Estado. Luciana é casada e mãe de dois filhos. Formada em Letras pela Unicesumar,...

Wagner Torres de Araujo

Realidade ficcional é destaque em 'Memórias Dispersas'   Por Shirley M. Cavalcante (SMC) Wagner Torres de Araujo, carioca da Zona Norte, não adaptado à formação de técnico de nível médio e ao trabalho em indústrias. Na verdade, sempre ansiou pelo conhecimento e cultura mais amplos. Por isso...

José Carlos Barbosa

Sabedoria e conhecimento andam juntos em 'Nego Véio' Por Shirley M. Cavalcante(SMC) José Carlos Barbosa nasceu em 2 de setembro de 1948 em Serra Azul (SP), na Fazenda Belo Horizonte. Radicou em Ribeirão Preto desde 1955, terra que o adotou como se fosse sua terra natal. Sempre estudou em escolas...

José Alves Vieira

Entre a Religião e a Ciencia é o novo lançamento do autor José Alves Vieira   Por Shirley M. Cavalcante (SMC) José Alves Vieira nasceu em 8 de abril de 1956, filho de Jerônimo José Cabral e Agostinha Martins Cabral, ambos já falecidos; foi trabalhador rural e professor de ensino fundamental....

Isaías Oliveira

Enredo revela uma Amazônia desconhecida por muitos   Por Shirley M. Cavalcante (SMC) Isaías Oliveira, 64 anos, é jornalista com 41 anos de profissão (1976-2017), nascido em Manaus (AM), tendo exercido durante 30 anos atividades de assessoria de imprensa e cargos públicos. Durante os anos...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Lançamento de Livros.

Pedrinho e Seu amigo Joãozinho

    Pedrinho é um menino de apenas nove anos de idade, que surpreendia a todos com sua educação e preocupação com os seus amigos. Um belo dia, ele conheceu o Joãozinho, o qual tinha uma deficiência física. Daí nasceu uma amizade linda entre os dois. Pedrinho mostrou a seu amigo...

Thainá e Seus Sonhos

    Thainá é uma jovem de apenas vinte anos, nascida de uma família bem humilde. A Thainá tinha vários sonhos, um deles era se formar uma jornalista e outro era encontrar o seu grande amor e se casar. Ela não mediu esforços e foi à luta, ela sabia que não seria fácil, mas ela colocou...

Superando os limites

Sinopse       "Thaís nasceu no ano de 1990, na cidade de Campos dos Goytacazes, onde vive até os dias atuais. Seu nascimento foi um pouco complicado, pois ela passou da hora de nascer. Sua mãe chegou ao hospital às quatro horas da madrugada, morrendo de dor, mas ela só...

O NOSSO MUNDO

Por PAULO VALENÇA Contos e Romance   O TEXTO DE PAULO VALENÇA (*) Silveira Nunes           O presente livro reúne contos e o romance que, aliás, dá título ao mesmo, O NOSSO MUNDO.             Paulo Valença em seu...

Andarilhos

Sinopse   “O Sertão é o Mundo”, disse, certa vez, Guimarães Rosa. O mesmo poderíamos dizer sobre o Pampa, esta espécie de sertão meridional que baralha fronteiras e entremescla muitas pátrias. É no vasto e inesgotável, rico e melancólico mundo pampiano que transitam os personagens de R....

Histórias do além

   (assombrações, experiências sobrenaturais, visagens, tesouros, ...) Por:Rogério Corrêa        Por ter nascido e vivido boa parte da minha vida no interior de Minas Gerais, desde pequeno ouvi causos de assombrações, experiências sobrenaturais, tesouros,...

Relações.

Por Cosme Custódio   Sinopse       O surrealismo é, antes de tudo, uma forma de vida com propostas estilísticas pensadas diretamente para o mundo do espetáculo.     A Serra da Cantareira, desenhada no horizonte, de onde a tudo se avistava, com os pássaros...

Analogia Antologia Poética por Ukwakusima Jonas

Sinopse         A presente obra reflete a trajetoria pelo prazeroso universo da poesia, pelo qual o Ukwakusima Jonas nutri, há algum tempo, uma paixão desmensurada e assumida.         Vale a pena, por isso,...

Pensa diferente e Mude o mundo

Em Breve       E você? Já mandou mensagem pra quem você ama? Já se desculpou com quem você tá de mal? O momento é esse, você não sabe o dia de amanhã...     Pensa diferente e Mude o mundo..        Conheça a alma do poeta através do poema...

WHEN IRISH EYES ARE SMILING BY ANDY CARPENTER

Quando os olhos irlandeses estão sorrindo  por Andy Carpenter  As aventuras eróticas de um jovem - uma autobiografia   Excitar seu...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

O País e o Mundo.

Restaurante e Lanchonete Delicias Caipira.

    Em uma viagem a Poços de Caldas neste mês de março de 2018, fiquei muito satisfeito pela surpresa agradável que tive ao buscar um local para almoçar.     Na avenida principal da cidade que nos leva ao acesso das rodovias 381, ou para as cidades de Pouso alegre,...

Fiorella Lanchonete Restaurante e Pizzaria

    Fiquei muito satisfeito ao notar que os clientes podem ver o preparo dos alimentos, pois o forno a lenha fica no salão principal, e mesmo sendo a lenha a perfeição dos fornos não deixa nenhuma fumaça no ambiente.     O pizzaiolo natural da terra das pizzas no...

Meteoro de Cheliabinsk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.     O Meteoro de Cheliabinsk foi um meteoroide que adentrou a atmosfera terrestre sobre a Rússia em 15 de fevereiro de 2013, transformando-se em uma bola-de-fogo que cruzou os...

2a Jornada Mística Meditativa e de autoconhecimentos.

Será um profundo encontro de 3 dias em São Thomé das Letras, Minas Gerais. São Thomé fica 360 kms da cidade de Guarulhos. Retiro com diversas vivências e grande oportunidade de conhecer e sentir a cidade através das pedras energéticas. São Thomé das Letras é considerada por místicos como um dos...

Estação de Augusto Pestana Liberdade Minas Gerais

  E. F. Oeste de Minas (1915-1931) Rede Mineira de Viação (1931-1965) V. F. Centro-Oeste (1965-1975)  RFFSA (1975-1996)   AUGUSTO PESTANA  Município de Liberdade, MG Linha-Tronco - km 180,942...

Motoristas deverão fazer exames e prova para renovar CNH

Um país de Invenções.         Vamos enriquecer as Auto Escolas?         Um país de extremos, um país do absurdo.         A nova resolução da Resolução 726 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), não passa...

Vacina anti-câncer RINS E PELE

    Infelizmente muitos sites em busca de cliques, faz da angustia das pessoas uma forma de sobrevivência.     Vi muitos amigos pularem de alegria com a notícia da descoberta de uma Vacina anti-câncer RINS E PELE pelos médicos do     Renomado Hospital...

O absurdo da falta de responsabilidade das autoridades continua.

       Eu falo por mim, pois o trecho conheço muito bem.         A saída da cidade de Bom Jardim de Minas para entrar na BR267, digo que é uma das piores que conheço, só perde ao projeto final da BR267 na chegada a Juiz de Fora, na qual a...

Valentino Silva locutor de Minas Gerais.

        Aos organizadores de grandes rodeios e eventos sertanejos, seu evento não pode deixar de ter a participação do Locutor Valentino Silva, um locutor de voz clara, sem vícios de pronuncia e com muita presença de...

Carnaval em Flor 2018.

Liberdade é festa, alegria e folia. Liberdade é a sensação do alvorecer com alegria. Venham participar do Carnaval em Flor 2018, a folia quer mais cresce na região.   Bonecões e Marchinhas, carnaval e cultura, banda ao vivo nos intervalos dos blocos.   Sábado dia 10 de...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Artigos por Luis Eduardo Garcia Aguiar.

JUAREIZ CORREYA

  Nasceu em Palmares, região Mata Sul do Estado de Pernambuco, Poeta, contista e editor. Diretor editorial da Panamerica Nordestal Editora, do Recife (PE), e assessor da Companhia Editora de Pernambuco – CEPE. Foi colunista de arte do Diário do Grande ABC (Santo André, SP), de 1970...

Felipe Júnior.

Felipe Júnior - por Eduardo Garcia.   Felipe Júnior é Poeta declamador e cordelista nascido em Patos, na Paraíba, e embriagado das vertentes poéticas de São José do Egito-PE. Traz na sua bagagem a poesia viva, engraçada, saudosa, própria da sua terra e dos grandes poetas já...

Rosa Lia Dinelli

  Natural do estado do Amazonas, Município de Maués. É filha de Octávio Monteiro Dinelli e Orsina Michiles Dinelli. Casada e estabelecida em Pernambuco desde o ano de 1958. Mãe de Myrtes, Learsi e Ludmila, que lhe deram sete netos: Saulo, Karina, Priscila, Vanessa, Yasmine, Daniel e...

Austro Costa.

          Austriclínio Ferreira Quirino, o poeta e jornalista nasceu no dia 9 de maio de 1899, na cidade de Limoeiro, em Pernambuco. Sem pai e abandonado pela mãe, foi criado por um tio. Publicou seu primeiro poema em 1913, “O Empata”, em Limoeiro.  ...

Maria das Dores Andrade.

        Maria das Dores Andrade, nascida em 29/02/1976 na cidade de Olinda / PE. Ela é a mãe de Claudio Rodrigo Barros Tiago e Ricardo Barros, escritora, pesquisadora, poetisa. Formou-se em Literatura na Universidade Federal de Pernambuco, atualmente é pós-graduada em...
1 | 2 | 3 >>