Caminhante da paz.

Caminhante da paz.

Foto Web.

 

Eu sou um caminhante desta vida,

o que leva a palavra amiga,

que conforta o aflito,

e acalma o seu conflito.

 

Mas eu sou,

o andante sem destino,

o amigo que está contigo,

que conforta o seu amor ferido.

 

Eu sou,

a parte do tempo perdido,

a conciliação do amor rompido,

escuta o que eu digo,

eu sempre a quero comigo.

 

Mas eu sou,

aquele que você não vê,

mesmo assim em mim você crê,

pois sou a essência de seu viver.

 

Sou a sua prova vencida,

e o verdadeiro sentido da vida.

 

Pois eu sou,

aquele que lhe traz conforto,

aquele que escuta o seu lamento,

que rogaste neste exato momento.

 

Sou o destino das escrituras,

o juiz justo desta sentença,

para o pecado da demência,

e o perdão para o inocente,

deste mundo decadente.

 

Sou aquele que lhe ama,

mas  não se  engana,

desta palavra de amor,

pois sou dele o único semeador.

 

 

Sou simplesmente a essência,

da vida ou da morte,

também sou aquele que dará clemência,

pela sua obediência,

meu filho e filha querida.

 

Recebam agora as minhas bênçãos,

em forma desta oração,

que abrandou seu coração,

neste momento de reflexão.

 

Leandro Campos Alves.

Registro no EDA.

 

 
Número de páginas: 103 

Edição: 1(2015) 

Formato: A5 148x210 

Coloração: Preto e branco 

Acabamento: Brochura c/ orelha 

Tipo de papel: Offset 90g
 

Meus Poemas.

Grande final da Liga Mantiqueira de Motocross, em Liberdade MG.

        O ronco dos nossos motores, chora em silêncio a sua partida. Valeu Companheiro.                           Gabriel Ribeiro #13 Autor da Frase: Leandro Campos Alves.   Homenagem...

A morte!

A morte expressa o medo. Mas que medo? Medo do que? Nascemos e somos levados ao batismo, cremos em Cristo, na ressurreição e na vida eterna. Então não seria a morte a consagração do que na vida esperamos?   Aos que vão, o silêncio! Aos que ficam, o choro! Aos incrédulos, a desilusão!   A...

Silêncio

O pensamento voa, na calada da noite. E no silêncio do dia! Meu peito agoniza.   Os momentos da vida, ficam restrito nas lembranças. O tempo com a vida passa, e envelhecemos com ele.   Com o amadurecimento... Sinto a frieza da alma, na quietude do seu silêncio.   Sombrio...

Soneto de la vida

Nuestros cuerpos entrelazados, sin remordimiento y pecado, me lleva al éxtasis del placer, al poseer usted.   Gritamos y amamos, El placer rompe el silencio de la noche, como la propia noche, que se pierde al amanecer.   Las memorias permanecen, sin miedo y consecuencias, sin hijos o...

Acróstico Maestro Caaraüra

M - Maestro Caaraüra A - a expressão da Literatura, E - epicentro da nossa cultura. S - Símbolo da clave, T - tocada com emoção, R - revela sua expressão, O - orquestrando sua posição.   C - Cativante e multi-instrumentista, A - atuante na cultura. A - Atinado com suas conquistas, R -...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>