Bodas.

 Bodas.

 Bodas.



Não quero o seu sacrifício,
quero a sua felicidade.
Por isso eu me realizo,
com a nossa cumplicidade.

Digo isso com a certeza,
porque não vejo só a sua beleza.
Temos uma afinidade,
que foge a realidade,
das razões da nossa sociedade.

Nossa amizade é de alma,
e isso me acalma.
Quero muito bem a você,
por isso lhe dedico este poema,
com este belo tema.

Você não é só uma simples mulher,
esposa, mãe ou companheira.
Você é a pessoa,
que escolhi como minha metade, 
para toda eternidade.

Por isso além de te amar,
quero deixar em versos meu registro,
o tamanho de nosso amor,
que sobrevive após tantos anos de casados,
sempre juntos e ligados.
Por este forte laço, 
deixo este poema,

                                 para ficar eternizado.                                 

                              

 Leandro Campos Alves.

Poema da antologia Além do Olhar.

ISBN: 978-85-8290-025-3

2014

 


 

Obrigado aos meus amigos leitores pela visita, e fiquem com Deus.

 

 
Número de páginas: 103 

Edição: 1(2015) 

Formato: A5 148x210 

Coloração: Preto e branco 

Acabamento: Brochura c/ orelha 

Tipo de papel: Offset 90g
 

Meus Poemas.

Carnaval em Flor.

Ser livre é viver a alegria, sorrir, pular e entrar na folia. Ter o coração aberto, e o corpo desnudo, ou até mesmo coberto.   Ser livre é viver, dançar e encantar. Criar, trabalhar e ser popular, amando quem no caminho encontrar, deixando a tristeza em outro lugar.   Ser belo é fazer o...

A morte.

A morte que amedronta, vem marcando, ferindo e sangrando. Levando aos que ela encontra, ou, aos que a Deus encanta.   Dói a prematuridade, de uma flor em plena mocidade, ser lançada a história, e acolhido pela eternidade.   Sangra o peito de toda cidade, ao receber a notícia, desta imensa...

Amigo Eterno

Hoje a matemática ficou órfã, perdeu sua operação de multiplicação. Multiplicar conhecimentos, a lealdade e o discernimento.   Multiplicar a verdade, a palavra amiga, o laço de amizade, a voz da autoridade.   Multiplicar o amor pelo ensino, a gana do saber. Nos preparando para o...

Trem de Minas.

Lembro-me daquele tempo, que era uma criança. E minha mãe pelas mãos me conduzia, para ir visitar a minha outra tia, que também se chamava Maria.   Primeiro trajeto da viagem era feito, numa estradinha cheia de curvas, e nos assentos de uma perua, cada passageiro ajeitava-se ao seu...

Pessoas.

Tem gente que se acha grande. Tem gente que se acha justo. Tem gente que se acha gente.   Mas nem toda grandeza traz segurança, nem toda justiça é perfeita, nem todo achar nos faz ser gente.   A vida é feita de atos. A gente é feito pelo amor, e o amor... É feito de respeito.   A...
<< 2 | 3 | 4 | 5 | 6 >>