Azul Instantâneo

Azul Instantâneo

    O Livro “Azul Instantâneo” do autor Pedro Vale com arte e design gráfico de Hernando Urrutia pode se dizer que é uma obra instigante e apaixonante.

    É muito difícil avaliar obras de outros escritores, pessoalmente não é meu forte, pois sei o tamanho do desafio que cada um passa para ver seu trabalho publicado. Mas, por outro lado é imensamente prazeroso deparar-me com uma obra do nível do livro “Azul Instantâneo”, o designer cuidadosamente elaborado, e poemas que nos levam às primícias da nossa cultura, pois o autor traz em seus poemas a estrutura de nossa língua mãe, o romantismo dos grandes escritores portugueses.

    O trabalho de Pedro Vale já ultrapassou a fronteira da imensidão dos nossos mares, e fez a distância se transformar no prazer da leitura.

 

Escritor Leandro Campos Alves

Biografia

Caxambu – Minas Gerais – Brasil

 

 

    Conheçam alguns dos trabalhos que compõe o Livro “Azul Instantâneo” de Pedro Vale e que deve o apoio cultural através do Governo Regional da Madeira; Secretaria da Educação da RAM; Secretaria Regional do Turismo e Cultura da RAM; Câmara municipal do Funchal.

    

 

Soalheira amante do atónito subúrbio: pé descalço, rotina escura,

ardente em fabril desejo de perseguição.

 

Ponto de referência: janela industrial, um sentido linearmente

pensado, espantosa altercação nebulosa.

 

Imagem moderna, rosto antigo, tardia hora diurna

 

___________Pedro Vale______________

 

 

 

Os meus sonhos são simples.

 

Um coreto atual, uma praça ficcional, mistura de estranho jardim,

bordel e prisão, um vestido dormido, milhões de línguas cortesãs, uma maçã trincada, jazz moderno, uma imposição vitoriana, talento comercial, cruzamentos, estações por abandonar, sorrisos satânicos, belas rameiras, uma precetora desenhada e cobras, e mais cobras. Os meus sonhos não sei se são simples.

__________Pedro Vale______________

 

 

Luz(a) alma

Sossega e vive do ar,

 a cómoda alma, armário espacial.

 

Plana e cisma a esmola pintada

 na rua nua e perfumada.

 

Sonha a universal fundação,

À beira-rio, navio-fantasma e fruição.

 

Entoa, na guitarra infantil, dramática gente,

 num acorde simples, medieval.

 

- Ó alma lusa,

 

Acorda e sente,

mesmo que à tangente,

 O que é ser filha de Portugal.

_______________Pedro Vale______________

 

    Para encerrar o autor revela a sua fé através do versículo da Bíblia.

 

“E ao que quiser pleitear contigo e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; e a quem te obrigar a caminhar uma milha, vai com ele duas. “ São Mateus 5: 14

 

Recomendo a Leitura.

Lançamento de Livros.

Thainá e Seus Sonhos

    Thainá é uma jovem de apenas vinte anos, nascida de uma família bem humilde. A Thainá tinha vários sonhos, um deles era se formar uma jornalista e outro era encontrar o seu grande amor e se casar. Ela não mediu esforços e foi à luta, ela sabia que não seria fácil, mas ela colocou...

Superando os limites

Sinopse       "Thaís nasceu no ano de 1990, na cidade de Campos dos Goytacazes, onde vive até os dias atuais. Seu nascimento foi um pouco complicado, pois ela passou da hora de nascer. Sua mãe chegou ao hospital às quatro horas da madrugada, morrendo de dor, mas ela só...

O NOSSO MUNDO

Por PAULO VALENÇA Contos e Romance   O TEXTO DE PAULO VALENÇA (*) Silveira Nunes           O presente livro reúne contos e o romance que, aliás, dá título ao mesmo, O NOSSO MUNDO.             Paulo Valença em seu...

Andarilhos

Sinopse   “O Sertão é o Mundo”, disse, certa vez, Guimarães Rosa. O mesmo poderíamos dizer sobre o Pampa, esta espécie de sertão meridional que baralha fronteiras e entremescla muitas pátrias. É no vasto e inesgotável, rico e melancólico mundo pampiano que transitam os personagens de R....

Histórias do além

   (assombrações, experiências sobrenaturais, visagens, tesouros, ...) Por:Rogério Corrêa        Por ter nascido e vivido boa parte da minha vida no interior de Minas Gerais, desde pequeno ouvi causos de assombrações, experiências sobrenaturais, tesouros,...
<< 3 | 4 | 5 | 6 | 7 >>