Coletânea IMORTAIS.

Coletânea IMORTAIS.

        A gradeço a Deus, aos amigos e aos leitores pelo carinho e torcida, pois amanhã é o lançamento da Antologia Imortais, pela Academia Brasileira de Letras e Editora Alternativa. 

        Não estarei presente, mas terei meu trabalho com o título " Ah! Juventude" publicado nela, o evento terá a cobertura da imprensa do Rio de Janeiro.

 

Convite:

 

            Prezados Escritores Imortais,

        É com grande orgulho que anunciamos o primeiro lançamento da Coletânea IMORTAIS, que acontecerá no Rio de Janeiro no dia de amanhã (31/08).
        Agradecemos a compreensão e paciência de todos vocês no desenvolvimento desta obra. Todo nosso esforço valeu muito a pena, mais de 140 escritores numa obra de mais de 500 páginas, reunindo grandes escritores de todo nosso Brasil!

        Em anexo, o convite referente ao lançamento do Rio de Janeiro para que possam divulgar em suas redes sociais.

        Saudações literárias,

        Equipe Alternativa

 

 

Ah! Juventude...

 

Ah! Juventude passada...

 

Quem poderia dizer,

que ontem dita transviada,

perdida, 

perturbada.

 

Muitas vezes confundida por querer ser admirada,

por lutar pelos ideais,

vista como regras anormais?

 

Hoje somos o outro lado,

da idade desta imaturidade.

 

Com o amadurecimento adquirimos conhecimento,

para redigir nossos momentos,

em versos e prosa,

sem nenhum lamento.

 

E hoje então!

Transmitimos nossos ensinamentos,

que antes eram desprezados,

mas agora faz parte de nosso legado,

a ser passado aos nossos filhos e agregados.

 

Ah! Juventude passada...

Juventude de erros, acertos,

ou simplesmente da história deste nobre legado.

Que aqui a deixo eternizado.

 

Poema: Ah! Juventute.

Leandro Campos Alves

Agosto de 2017.

Coletânea IMORTAIS- Editora Alternativa.

 

   Leandro Campos Alves é natural da cidade mineira de Liberdade, nasceu em 02 de julho de 1972.

    Portador de uma deficiência conhecida por Dislexia, um transtorno genético de linguagem que, estima-se acometer até 17% da população do mundo, pois os disléxicos tem dificuldade de aprender a ler e a escrever porque confundem os sons de algumas letras, ele tratou de vencer estes obstáculos.

    Membro da Academia de Letras de Teófilo Otoni, AMOR VINCIT OMNIA.

    Publicou em 09/2013 a o romance “Instinto de Sobrevivência” pelo Clube de Autores e o E-book pela Editora Saraiva - Participou da Antologia “Além do Olhar” pela Editora Sucesso em 01/2014 - Em 27 de fevereiro de 2014 publicou a nova forma literária de redigir romances,     “O Lamento de José” pelo Clube de Autores e o E-book pela Editora Saraiva - Em outubro de 2014 participou da Antologia “Nasce um Poeta” pela Editora SAMPA - Em fevereiro de 2015 publicou seu primeiro livro de poemas e crônicas, “Metáforas da Vida” pela editora Clube de Autores e E-book pela Editora Saraiva- Em 30 de outubro de 2015 organizou sua primeira “Antologia Liberdade dos Poetas” pelo Clube de Autores e Publique Saraiva - Participou de seu primeiro trabalhado pela Academia de Letras Teófilo Otoni em novembro de 2015 com o poema Paz, na “ 13 Revista Literária Café-com-Letras” - Em março de 2016 publicou seu primeiro livro de bolso com poemas, contos e crônicas, “ Sonhos” pelo Clube de Autores e Publique Saraiva - Em Junho de 2016 participou da Antologia “Poesias Sem Fronteiras” pela Editora Sucesso - Em Julho de 2016 participou da Antologia Poetas Fazendo Arte “Nas Gerais” pela editora Delicatta - Em 23 de outubro de 2016 organizou sua segunda antologia “II Antologia Liberdade dos Poetas” pelo Clube de Autores e Publique Saraiva- Em novembro de 2016 participou da “Antologia Justiça e Igualdade Social” pela editora Sucesso – Em novembro de 2016 teve seu segundo trabalho acadêmico publicado pela Academia de Letras Teófilo Otoni, com o poema “Choro das Águas” na “14 Revista Literária Café-com-Letras”- Em janeiro de 2017 publicou seu segundo livro de bolso com poemas, contos e crônicas, “Revelações” pelo Clube de Autores e Publique Saraiva.

Site official : http://www.escritor-leandro-campos-alves.com/

Crônicas de Leandro Campos Alves.

Senhor Digué.

        Um dia, quando adolescente, eu estava sentado no banquinho de madeira dentro de uma mercearia, cujo o proprietário era pai de um grande amigo, quando percebi entrar uma criança meio ressabiada com olhar desconfiado e todo acanhado, olhando na direção do dono...

Ciúmes...

Foto web           A vida é mesmo cheia de sentimentos, obstáculos, raivas e falta de compreensão.     Sou Paulo e casei-me muito cedo, mas tinha certeza do que queria, pois maturidade nunca me faltou, mas minha impetuosidade sempre esteve comigo, em...

Curiosidades de Liberdade Minas Gerais.

        A crônica que passo a contar, é uma daquelas que todos pensam que só acontece em histórias fictícias das mentes brilhantes de grandes escritores.         Mas a realidade muitas vezes se confunde com as histórias e romances, pois na...

Fundação da Rádio Comunitária Liberdade FM.

        A rádio que recebeu o nome em homenagem a nossa cidade, “Liberdade”, tem sua origem e fundação uma história que poucas pessoas sabem de verdade, ou, quase ninguém, porque os fundadores da rádio são poucos que estão entre nós, infelizmente.  ...

“A vida do João”

        “Tudo deu início em meados do ano de mil novecentos e setenta e um, num pequeno vilarejo onde composta de poucas ruas ainda de terra batida, mas que os moradores se cumprimentavam respeitosamente como compadres. Neste período como se a magia do amor tomasse...

Fundação do Time Ferrugem.

        Vamos falar um pouco da história de Liberdade MG.         Natural de Liberdade, até meus vinte e dois anos residi na cidade e neste período fui eletricista, trabalhei como servente de pedreiro, mas meu primeiro emprego com carteira...

Direitos Autorais o Grande Julgamento.

          Chamo-me José Pedro, escrevo pequenos pensamentos por mero prazer. São textos com uma construção quase única.  São poucos os poetas e os escritores que conseguem a façanha de redigir romance em versos. Alguns chamam esta construção de...

Algodão doce.

          Com não falar em algodão doce, sem citar aniversários, crianças e alegria.         Mas para quem acha que esta guloseima é um doce apenas de criança, se engana, pois há alguns anos atrás, eu fui com um...

Nomes de Bebês.

Crônica Nomes para Bebês.           A vida é muito engraçada mesmo.         Quando nascemos, nossos pais procuram o melhor nome para nos dar, esta é a primeira marca que ganhamos no...

O Capelo.

              A vida de disléxico é engraçada mesmo, não é tão problemática como todos pensam.        Temos algumas limitações, mas que com muito bom humor se tornam piadas, ficando eternizada na memória de nossos...

Empréstimo Bancário.

Foto da Web.                         A vida é mesmo engraçada, e muitas vezes reclamamos de nossas provas e nos esquecemos de lembrar os bons momentos que ela nos...

Pedido de Socorro.

                Um dia estava pescando eu, meu irmão mais velho e meu pai.             Entre um peixe e outro, nosso pai nos presenteava com o conhecimento de uma face...

Camionete Quase Zero.

            Na vida muitas pessoas passam pela gente, algumas nos marcam profundamente em seus gestos e sua forma de viver, e outros tantos nem percebemos a sua estadia em nossas...

Pneu em Fuga.

Foto Web             Tínhamos um comércio na década de oitenta, e o causo que passo a contar agora aconteceu mais ou menos assim.            Meu pai adquiriu uma camionete para seu comércio, e ela fazia a nossa alegria com o seu...

O Peralta.

                   Lembro bem que em minha infância, trabalhávamos deste muito cedo, cada um em casa tinha seus afazeres, e como não poderia ser diferente até mesmo meu irmão caçula, Tiãozinho, tinha as suas...

Fraternidade.

          Foto WEB.                 A nossa infância marca muito nossas vidas, e agora trago um pedacinho desta história, um causo que ficou em nossas memórias, pois éramos quatro irmãos muito unidos, e se alguém incomodasse um...

Veneno para Ratos.

        Foto Jornaldotonho.           A vida nos presenteia com algumas pérolas e causos, que por momentos esquecemos no passado em algum instante no tempo, mas num piscar de olhos nos lembramos destes momentos que nos trouxera muita alegria e...
1 | 2 >>

Meus Poemas.

Amigo Eterno

Hoje a matemática ficou órfã, perdeu sua operação de multiplicação. Multiplicar conhecimentos, a lealdade e o discernimento.   Multiplicar a verdade, a palavra amiga, o laço de amizade, a voz da autoridade.   Multiplicar o amor pelo ensino, a gana do saber. Nos preparando para o...

Trem de Minas.

Lembro-me daquele tempo, que era uma criança. E minha mãe pelas mãos me conduzia, para ir visitar a minha outra tia, que também se chamava Maria.   Primeiro trajeto da viagem era feito, numa estradinha cheia de curvas, e nos assentos de uma perua, cada passageiro ajeitava-se ao seu...

Pessoas.

Tem gente que se acha grande. Tem gente que se acha justo. Tem gente que se acha gente.   Mas nem toda grandeza traz segurança, nem toda justiça é perfeita, nem todo achar nos faz ser gente.   A vida é feita de atos. A gente é feito pelo amor, e o amor... É feito de respeito.   A...

Soneto Tempo

O tempo abranda a dor, cura o corte, cicatriza as lembranças, acalenta a morte, nos enche de esperanças.   O tempo abranda o passado, cura a ferida, apaga o que era errado, harmoniza o presente da vida.   O tempo é o único remédio, que abranda a desilusão, e faz renascer uma nova...

Declarações.

  Se um dia eu amei... Se um dia te conquistei... Digo a ti amor eterno, que minhas declarações são simples palavras, e não mostram o tamanho de meu sentimento.   Como frases jogadas ao vento, elas percorrem espaços, territórios e sonhos. Voam nas asas das promessas, mesmo assim, não...

Noites eternas.

  O silêncio da noite na cidade não será mais o mesmo. As ruas não terão na madrugada, o sons de seus passos solitários. A noite não trovoará a voz da sua amizade. O cambaleio do solitário sonhador, não terá mais sua maestria.   Nossas noites ficarão mais frias, as lembranças serão...

Fogão a Lenha.

Foto arquivo pessoal Gisele C. de Souza   Lembro claramente, daquele fogão de lenha. vermelho reluzente, com chapa negra e bem quente. Sua fumaça sai calmamente, pela chaminé que ficava a sua frente.   Construído sobre o chão liso, verde era a cor daquele piso.   Em pé ao seu...

Despedida.

Sonhei com a morte, acordei para vida. Vi sonhos morrerem com tempo, mas vi o tempo ressurgir em mim.   Com pensamento sempre no futuro, esqueci de viver o presente. Passei a sonhar com o passado, e a vida? Simplesmente passava.   Vi amigos partirem, vi a morte de perto, e...

Somos Chapecoenses.

    Comoção mundial, Harmonia de orações no dialeto dos anjos; A saudade que marcou e marcará eternamente a história. Pessoas e profissionais a busca de seus sonhos, agora são saudades. Esta tragédia deixou não só a marca da dor, Com certeza deixou heróis, marcou nações,...

Oração de Súplicas.

Senhor meu Deus, Pai da sabedoria e da onipotência. Aquele que sombreia seus filhos, com retidão, graças e benevolência.   Sois a razão da vida e da morte, sois a fonte da saúde e do amor. Sois o juiz dos juízes, sois o onipresente sentenciador.   A ti Pai eterno, prostro meus joelhos em...

Desilusão Contextual.

Hoje não sinto mais prazer, perdi minha inocência, minha crença, minha própria consciência.   Crer nas pessoas cegamente é errado, mas quem poderia ver que em um Homem, existiria sonhos e esperança, e a inocência pura de criança?   Pena que tardio aprendi, vi minha vida sendo...

Oração da partida.

Pai nosso que estais no mundo, Pai de sabedoria, mansidão e salvação. Não deixe o medo me corroer, a sombra do mal me cobrir. A sua luz de minha alma sumir.   Pai da salvação, meu Sagrado Coração, leve suas bênçãos a quem necessita, neste momento de nossas vidas.   Pai da benevolência, da...

Mãe.

Porto seguro de minha vida, o espelho de retidão, fonte de minha inspiração.   Se é fato que a inspiração vem por Deus, o caminho pelos amigos, a palavra pela educação, e o amor pela família, então a família vem pela imagem de uma mãe. Mãe verdadeira e conselheira, amiga e heroína,  mesmo...

Tributo à paixão.

Desde já, Quero felicidades te desejar. Também quero te dar, Meu abraço carinhoso, E meu beijo bem ardente. Este beijo não em seu rosto. Mas de um jeito diferente, Como dois adolescentes. E não como o beijo de um homem ausente. O beijo de um amor eterno, Que lhe tira a razão e te...

Minha História.

Se meus olhos um dia não verem mais a luz. Se minha pele não transmitir mais o meu calor. Se meu olfato não sentir mais o cheiro das manhãs. Se um dia a luz ausentar-se de meu caminho. Se minhas pronúncias se calarem para o mundo.   Hei de deixar minha história escrita em recordações. E a...

Carta da Anunciação.

No caminho da vida, muitas coisas vi e vivi. Vi o nascer da criança, ainda no ventre da mãe. Trouxe o prenúncio da morte, deixando-me à beira da desilusão, por profetizar a perda e nada poder fazer, para driblar a morte e deixar alguém viver.   Vi em meu leito a imagem do anjo. Senti o aroma...

Filhos...

Um dia a notícia! ... Somos tomado primeiro pelo temor, logo depois sentimos alegria e amor.   O primeiro choro, o primeiro colo e abraço. O sorriso inocente que é o sinal de um forte laço. Materno, paterno, ou simplesmente eterno.   A vida passa, deixamos nossos sonhos e a nossa...

Filosofia Interior.

Foto Pixabay F echo os olhos, I nternando-me em meu eu. L onge de todos e do mundo, O rganizando os meus sonhos mais profundos. S equestrando minha vida, O ferecendo-me em silêncio, F ico em plena meditação, I nerte eu permaneço em alfa, A companhando o bater do coração.   I mpulsivo eu me...

Desilusão.

  Dói... Dói ser o porto seguro, Mas não encontrar o nosso porto.   Dói... Dói ver obstáculos indo ao chão, Mas em vão. Pois a vitória que seria coletiva, É apenas mais um fato, ou ato.   Dói... Dói tentar ser alguém, E no fim descobrir que não somos ninguém.   Dói... Dói...

Lágrimas de sangue.

foto pixabay dominio publico     Algumas vezes a agonia nos aperta o peito. Sinto saudades, E a dor invade a nossa alma e o nosso coração.   Muitos sentem a sua presença, Amam, sofrem e nada compreendem. Procuram respostas em vão, Pois não entendem a origem dessa...

Amor Sensual.

foto pixabay dominio publico     No silêncio da noite, entro em nosso quarto, no contrapé do desejo.   A luz invade a escuridão do ambiente, aos poucos revela as curvas sob o lençol de seda. Sinto sua fragrância emitir o desejo ludibriante do amor.   Alguns passos lentos me faz...
1 | 2 | 3 >>