Antônio Cícero

 Antônio Cícero

 

 

            Antonio Cicero Correia Lima (Rio de Janeiro, 1945) é um compositor, poeta, crítico literário, filósofo e escritor brasileiro.

        É filho dos piauienses Amélia Correia Lima e Ewaldo Correia Lima. Seu pai foi um dos intelectuais fundadores do Instituto Superior de Estudos Brasileiros (ISEB), tendo sido também diretor do BNDE durante o governo JK. Em 1960, Ewaldo assume um cargo executivo no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que então acabava de ser criado, e toda a família se transfere para Washington, D.C. Lá, Antonio Cicero fará seus estudos secundários.

        De volta ao Brasil, Cicero começa a cursar filosofia na PUC do Rio de Janeiro e, depois, no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ. Em 1969, devido a problemas políticos, vai para Londres, onde conclui o curso de filosofia na Universidade de Londres. Em 1976, Cicero vai fazer pós-graduação na Georgetown University, nos Estados Unidos, onde estuda grego e latim, o que lhe permitirá ler no original clássico como Homero, Píndaro, Horácio e Ovídio. Posteriormente lecionará Filosofia e Lógica, em universidades do Rio de Janeiro.

        Antonio Cicero escreve poesia desde jovem, mas seus poemas só apareceram para o grande público quando sua irmã, a cantora e compositora Marina Lima, passou a musicá-los. Antes, porém, já eram suas canções como Fullgás, Para Começar e À Francesa - as duas primeiras em parceria com sua irmã, e a última com Cláudio Zoli. A partir de então, Cicero tornar-se-ia um dos mais próximos parceiros de Marina. Entre outras parcerias, destacam-se aquelas com Waly Salomão, João Bosco, Orlando Moraes, Adriana Calcanhotto e Lulu Santos (co-autor, junto com Antonio Cicero e Sérgio Souza, do hit O Último Romântico, de 1984).

        De 1991 a 1992, Antonio Cicero coordenou, em colaboração com o poeta e professor de Filosofia da Universidade Federal Fluminense Alex Varella os cursos de Estética e Teoria da Arte do Galpão do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM-RJ).

        Em 1993, concebeu, em colaboração com o poeta Waly Salomão e com o patrocínio do Banco Nacional, o projeto "Banco Nacional de Idéias", através do qual, nesse ano e nos dois anos subsequentes, promoveu ciclos de conferências e discussões de artistas e intelectuais de importância mundial, como João Cabral de Melo Neto, Haroldo de Campos, John Ashbery, Derek Walcott, Caetano Veloso, Richard Rorty, Tzvetan Todorov, Hans Magnus Enzensberger, Peter Sloterdijk,Ernest Gellner, Bento Prado Júnior e Darcy Ribeiro, entre outros.

        Em 1994, organizou, em parceria com Waly Salomão, o livro O relativismo enquanto visão do mundo, que reúne as conferências realizadas pelo projeto Banco Nacional de Ideias nesse ano.

        Em 1995, publicou O Mundo Desde o Fim, uma reflexão filosófica sobre a modernidade.

        Em 1996, lançou o livro de poemas Guardar, vencedor do Prêmio Nestlé de Literatura Brasileira na categoria estreante. Lançou também um CD em 1996, Antonio Cicero por Antonio Cicero, onde recita seus poemas.

        Em 2001, seu poema "Guardar" foi incluído na antologia Os cem melhores poemas brasileiros do século, organizada por Ítalo Moriconi.

        Em 2002, lançou o livro de poemas A cidade e os livros. No mesmo ano participou, junto com outros artistas como Gabriel o Pensador, Chico Buarque, Ronaldo Bastos e Fernando Brant, entre outros, de uma coletânea de quatro CDs em homenagem ao poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade. Ainda em 2002, participou, junto a personalidades como José Saramago, Hermeto Pascoal e Wim Wenders, do documentário Janela da alma, de João Jardim e Walter Carvalho.

        Em 2005, lançou o livro de ensaios filosóficos Finalidades sem fim, que foi finalista do Prêmio Jabuti na categoria "Teoria / Crítica literária".

        Em 2010, lançou, em parceria com o artista plástico Luciano Figueiredo, o Livro de sombras: pintura, cinema e poesia.

        Em 2012, lançou o livro de poemas Porventura, o livro Poesia e filosofia (ensaio filosófico) e, como organizador, o livro de ensaios estéticos Forma e sentido contemporâneo: poesia. No mesmo ano, lançou o livro de entrevistas, organizado por Arthur Nogueira, Antonio Cicero por Antonio Cicero.

        Antonio Cicero foi, de abril de 2007 a novembro de 2010, colunista do jornal Folha de S. Paulo.

        Em junho de 2007, Antonio Cicero apresentou em Lisboa a palestra "Da atualidade do conceito de civilização", no encontro intitulado O Estado do Mundo, organizado pela Fundação Gulbenkian, publicada, em Portugal, no livro A urgência da teoria (Lisboa: Gulbenkian, 2007) e, na Inglaterra, traduzido por "On the concept of civilization", no livro The urgency of theory (Manchester: Carcanet, 2007). Em novembro de 2008, pronunciou a palestra de encerramento do Congresso Internacional Fernando Pessoa, em Lisboa, publicada, com o título de "Fernando Pessoa: poesia e razão", em Pessoa. Revista de ideias, em dezembro de 2010.

 

        Obras publicadas

        Ensaios filosóficos

        O mundo desde o fim'. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1995.

        Finalidades sem fim. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

        Poesia e filosofia. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012.

 

        Livros de Poemas

        Guardar. Rio de Janeiro: Record, 1996.

        A cidade e os livros. Rio de Janeiro: Record, 2002.

        Livro de sombras: pintura, cinema e poesia (com o artista plástico Luciano Figueiredo). Rio de Janeiro, + 2 Editora, 2010.

        Porventura. Rio de Janeiro: Record, 2012

 

        Livro de Entrevistas

        Antonio Cicero por Antonio Cicero. Org. por Arthur Nogueira.

 

        Alguns textos em coletâneas

        De suas palestras, integrantes do ciclos organizados por Adauto Novaes e a Artepensamento, foram publicadas as seguintes:

        "Hölderlin: O destino do homem" (in: Poetas que pensaram o mundo. NOVAES, A. (org.). São Paulo: Companhia das Letras, 2005)

        "A sedução relativa" (in: O silêncio dos intelectuais. NOVAES, A. (org.). São Paulo: Companhia das Letras, 2006)

        "O ser humano e o pós-humano" (in: Mutações: a condição humana. NOVAES, A. (org.). São Paulo: Agir, 2009)

        "A razão niilista" (in: Mutações: a experiência do pensamento. NOVAES, A. (org.). São Paulo: SESC, 2010).

        "Razão crítica, razão instrumental e crença" (in: Mutações: a invenção das crenças. NOVAES, A. (org.). São Paulo: SESC, 2011)

        "Poesia e preguiça" (in: Mutações: elogio à preguiça. NOVAES, A. (org.) São Paulo: SESC, 2012)

 

        Obras organizadas por Antonio Cicero

        Nova antologia poética de Vinícius de Moraes (com o poeta Eucanaã Ferraz). São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

        O relativismo enquanto visão do mundo (com o poeta Waly Salomão). Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1994.

        Forma e sentido contemporâneo. Rio de Janeiro: EDUERJ, 2012.

        Vários poemas seus fazem parte de importantes antologias, tanto no Brasil quanto em Portugal, na Espanha e no México, entre as quais Os cem melhores poemas brasileiros do século XX (Rio de Janeiro: Objetiva, 2001), organizada por Ítalo Moriconi.

        Além de várias teses e artigos, dois livros foram escritos sobre sua obra: Do princípio às criaturas, de Noemi Jaffe (São Paulo: Capes e USP, 2008) e Antonio Cicero, de Alberto Pucheu (Rio de Janeiro: UERJ, 2010).

 

Fonte: Wikipédia

Biografias de Escritores Brasileiros.

Neida Rocha

        Neida Rocha nasceu em 1/2/1954, em Canoas/RS, na Vila Harmonia, onde passou a infância e em 1965 mudou-se para o Bairro Niterói onde viveu a adolescência. Filha de José Lopes da Rocha e Tereza da Costa Rocha, criada entre dois irmãos (Nei e Sidnei). Foi Rainha...

Miranda May.

         Natural  de Criciúma, Santa Catarina.          Até onde minhas lembranças me levam, minha cumplicidade e amor pelos livros nasceu com as primeiras letras, quando, pela impossibilidade de adquiri-los,...

André Luis Soares

        ANDRÉ LUÍS SOARES nasceu em Brasília em outubro de 1964, mas criou-se no Rio de Janeiro, sob a influência cultural da bela Copacabana das décadas de 70 e 80. De volta à Capital Federal na adolescência, estudou Economia pela Universidade Católica de Brasília....

Ormuz Simonetti

        Estava procurando informações sobre a biografia de uma personalidade que muito me chamou a atenção, Ormuz Simonetti, por incrível que pareça deparei-me com muitas informações em sites, blogs, jornais etc...         Mas me...

Walber Gonçalves de Souza

Graduado em História pelo Centro Universitário Assunção (1999). Especialização (Lato sensu) em Ciências do Ambiente pelo Centro Universitário de Caratinga (2002). Mestrado em Meio Ambiente e Sustentabilidade pelo Centro Universitário de Caratinga (2005). Desde 2002 é professor do Fundação...

Raimundo Colares Ribeiro

        Natural de Tefé, no Amazonas, Raimundo Colares Ribeiro é filho de Hildebrando Ribeiro e Teresa Colares de Lima. Casou-se com a senhora Kátia Maria dos Santos Colares Ribeiro, de cuja união nasceram seus três filhos: Rickson, Rennier Recco e...

Afonso Estebanez Stael

        Nascido em 30/10/1943 na região agreste do município de Cantagalo-RJ, é advogado, escritor, cronista, poeta, jornalista, crítico literário e verbete da “Enciclopédia de Literatura Brasileira” e do “Dicionário de Poetas Contemporâneos”. Cursou o Ensino...

Hamilton Castardo.

    Nascido na cidade de Jundiaí, São Paulo, em 19 de fevereiro de 1963 Hamilton Castardo sempre gostou de leitura. Lia tudo que aparecia, livros, revistas gibis, livros de bolso, Monteiro e Drummond, enfim, gostava de ler. Formou-se em Administração de Empresas e, logo em...

Toni Vaz

        Mineiro de Coronel Fabriciano, Toni Vaz é poeta, cronista, contista, romancista jornalista, radialista, bacharel em Direito, servidor público federal, palestrante motivacional, além de ser um cruzeirense apaixonado.         Como...

Isabela Meggiolaro

24 anos, atriz e escritora volta-redondense. Autora da obra “Maria Casadevall - A dramaturgia dos meus versos”, lançada em 2014, no Rio de Janeiro. A artista se apaixonou pelo teatro aos 6 anos de idade, ainda na terra natal, Volta Redonda, interior do Rio, onde fez parte da Cia Atenas por 5 anos....
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>

Poemas, crônicas e textos de diversos Autores.

Vinícius Reis

    O texto é ótimo, porém com um nível cultural de verbetes e uma singularidade muito expressiva, posso afirmar que a compreensão só dará aos leitores elevados de cultura, por sua complexidade na estrutura.     Mas esta minha humilde opinião não é negativa, e sim,...

A Promessa

        Um rapaz de Cascavel - PR comprou uma moto mas não tinha habilitação, passeando com sua moto pela BR 277 vendo uma blitz da PRF de longe, não tendo como voltar ele desceu da moto e foi empurrando. Passando pela blitz o policial o chamou mas ele já foi logo...

Valdeck Almeida de Jesus

A chegada de Michel Temer no Inferno   Batizado com esse nome É mesmo para temer, Pois parece aquele verbo Criado pra estremecer Todo mundo se amedronta Somente de ouvir dizer.   Ele foi para o inferno Buscar força pra mandar Acabou com o capeta Destruiu tudo por...

Ligia Beltrão

Nós Perfeição   Amo as tuas mãos delicadas Que tiram do meu corpo canções Nas noites pálidas e enluaradas Dentro de nós vibram as emoções   Meus olhos vagam num mar incerto Dos desejos que em meu corpo tremem De pensar em ti de mim tão perto Palavras tontas... Versos que...

Gisiéle Gargioni

        O que falar de um talento assim?         Sei que palavras talvez não seja suficiente para descrever uma poetisa plena, completa.         Me rendo aos poemas de Gisiéle Gargioni – “A princesa da serra...

Laércio Tadeu Januário

O mundo chamado Família.           Neste louco mundo chamado Vida, somos nela lançados através do amor de nossos pais, esta concepção é apenas o início.         Somos apresentados ao mundo através de uma tapa amigo do médico ou...

Memorias de Guerra- Trajetória de Vidas Vividas

        Como não abrir espaço para uma crônica de reflexão destas?         Como não pensar em vitoriosos e derrotados em guerras desumanas?         Como não pensar na vida?      ...

Deunice Maria Andrade.

A fé nos traz a paz, harmoniza nossos sentimentos, abastece nossas forças. Assim como a fé, as palavras, pensamentos e sentimento nobres rega nossa fé. Conheçam um pouco a poetisa que encanta e canta a vida. Leandro Campos Alves. Setembro de 2016.         Conheçam seus...

Miquiáine Laurenço

O que falar de poemas, sem conhecê-los? O que pensar da vida, sem vivê-la? O que imaginar da cultura, sem lê-la?           Cada dia admiro mais as pessoas e os talentos de cada amigo, descubro sonhos e pensamentos, viajo por versos, estrofes e romances.  ...

Hugo Dias "Marduk".

Foi   Foi obra na escuridão, na arte da verdade que nasceu, as flores que sorriu, para o norte que cresceu. Foi corvo que para a morte, no cântico da noite corveja, desprezando a inimizade, da antipatia que inveja. Foi lobos que uivou, sabendo que a noite voltava, os desejos conscientes e...
1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>